Mário de Andrade no Rio: o escritor como personagem da própria história

Em Mário de Andrade – Exílio no Rio, Moacir Werneck de Castro tenta transmitir toda a efervescência que marcava a cena cultural carioca, com o escritor transitando maravilhado e um tanto entontecido em sua estadia pela cidade Ao final da leitura de “Mário de Andrade – Exílio no Rio” (Editora Autêntica), uma dúvida: o livro é a […]

Conto: Eu deveria ter morrido em Waterloo

Ainda derramando sangue, o carrasco a ergueu pelos cabelos e a multidão explodiu com gritos de Viva a República! A cabeça erguida tinha os olhos fixos no futuro imperador. Era a própria morte a olhá-lo. Então ele notou que não era a da rainha, mas a sua própria cabeça que estava pendurada nas mãos do […]