Maravilhas para dentro da cabeça: aventuras de Alice descobrindo um País

Esse país de maravilhas é muita viagem para você? O primeiro livro de Charles Lutwidge Dodgson (mais conhecido como Lewis Carroll) foi Syllabus of Plane Algebraical Geometry, um tratado de Matemática escrito em 1860. Além da Matemática, outra grande paixão do autor era Fotografia. Tirava retratos de meninas entre oito e 12 anos de idade. […]

Tijolos a mais

As estradas e ruas são meros convites às surpresas da metrópole, abrigo de infinitas e até contraditórias sensações Eu estava a no mínimo bons quinhentos quilômetros longe de casa. Anos que não pisava naquela terra, e a lembrança da última vez – pelo menos oito anos atrás – ficou borrada e tornou-se apenas um nome; […]

Viagem para Inseto

O dia em que prestei serviços a um inseto Alguns insetos são invejáveis. Não precisam fazer muito para serem notados, passeiam pelo mundo como se fosse um carrossel gigante, e falam em um idioma tão, tão próprio que mesmo nossos tradutores mais dedicados ainda não sabem o que eles falam sobre nós, gigantes de pele […]

Viagem… – Gisele Corrêa

Se encheu de prozac como se pudesse aplacar a bulimia que ela nem sabia se realmente existia. Sua mão tinha as faces pintadas de rosa, mas era o lápis preto ao redor de seus olhos azuis de menina que incomodavam o mundo. Estranhava o nome que as pessoas dão as coisas. Coisas que nunca experimentaram mas que […]

Quando eu fui pra Marte – parte II (final) – William Glück

Caso você não tenha lido a parte 1, clique aqui e leia. *** Decisão tomada, banho tomado, café por tomar! Não lembro de ter arrumado as malas,  muito menos da viagem de ida. Devo ter dormido o caminho todo, típico eu em viagem. Só lembro que evitei levar roupas brancas… Não me parecia uma boa ideia […]

Quando eu fui pra Marte – parte I – William Glück

– Não era tudo vermelho como eu esperava nem tão marrom-claro como nas fotos da Nasa. Parecia aquele barro barro sabe, marrom bem marrom…parece que repetir as palavras faz com que você consiga imaginar… Assenti sem falar nada… Ele olhava pras mãos sempre que parava de falar, dos dois lados, virando lentamente como que procurando […]