Adaptação para o cinema de O Tempo e o Vento, de Érico Veríssimo

0
427

Imaginem pessoas como Érico Veríssimo, Jayme Monjardin, Leticia Wierzchowisk, Cléo Pires, Thiago Lacerda e Fernanda Montenegro, todas reunidas em uma obra. Da sétima arte. Filmada no sul do País.

Saiu há poucos dias o trailer do novo longa dirigido por Monjardin, com roteiro de Tabajara Ruas e Leticia Wierzchowisk, baseado no livro Érico Veríssimo, O Continente, da obra épica O Tempo e o Vento.

Vocês podem conferir o trailer aqui:

Eu, quase-sortuda, tive a oportunidade de visitar um dos sets de filmagens um mês após elas terem terminado. Estava hospedada em Pelotas para a anual Feira Nacional do Doce, e quis visitar a Charqueada onde foi filmada a minissérie A casa das sete mulheres. Chegando lá, qual foi minha surpresa ao saber que, há menos de um mês, Thiago Lacerda e demais atores almoçavam a comida típica da simpática senhora proprietária da Charqueada.

Fomos – eu e minha família – recepcionados pro um senhor muito divertido, que, a cada peça da casa central, contava uma história diferente que por ali se passara.

Infelizmente não era permitido fotografar dentro dos sets. Consegui tirar fotos de poucas coisas
Infelizmente não era permitido fotografar dentro dos sets. Consegui tirar fotos de poucas coisas

A casa foi escolhida, mas havia algumas condições para que fosse novamente usada como cenário de filmagens: deveria receber nova pintura nas paredes. Primeiro, os donos da propriedade ficaram receosos, visto que a charqueada era histórica, e, sempre que reformada, recebia cores neutras. Porém, a produção queria algo mais vivo, cores diferentes, que não combinavam com o período histórico na qual foram construídas. Mas era isso, ou nada. Ademais, mais uma obra filmada seria rodada por ali e, se A casa das sete mulheres já atraiu (e continua atraindo) centenas de curiosos, certamente um filme poderia reviver o local, além de encher os bolsos dos proprietários. E foi isso, a casa foi escolhida, preparada e ali foram rodadas diversas cenas.

Casa escolhida
Casa escolhida

Sobre o filme

Para recontar a saga da família Terra Cambará, no período que se estende das Missões até o final do século 19, Jayme Monjardim usa como eixo a história de amor de Bibiana (vivida por Marjorie Estiano na juventude e Fernanda Montenegro na maturidade) e Capitão Rodrigo (interpretado por Thiago Lacerda).

A produção foi rodada em pouco mais de dois meses e passou por Bagé, onde foi construída a cidade cenográfica que reproduz a vila de Santa Fé, e também em Pelotas e Candiota. As filmagens começaram em março de 2012 e terminaram em maio.

A estreia nacional está prevista para o dia 20 de setembro deste ano, data especial também conhecida como Dia do Gaúcho, pois foi neste dia, no ano de 1835, que começou a revolução Farroupilha.

Cena do filme
Cena do filme