Ano Novo, Livro Velho

0
274

read

O fim do ano chegou e 2014 está vindo de mansinho. É inevitável que nessa época você seja levado a fazer uma retrospectiva de sua vida. Como num filme: os piores e os melhores momentos passam pela sua mente de uma forma que você seja ‘convidado’ a fazer um balanço de tudo o que já passou. A ‘tv’ dá conta de reprisar o que apareceu na mídia, os rádios fazem uma lista das 10 mais tocadas no ano e você… Revê, repensa, relembra a sua vida.

Leia também: Retrospectiva: Os 10 posts mais lidos em 2013

Pois eu convido a todos a fazerem uma sessão “retrô” de suas leituras. O que você leu durante 2013? E agora a pergunta que não quer calar: Quais são as suas promessas de leitura para 2014? Várias? Poucas? Não gosta de fazer promessas? E o que você leu durante toda a sua vida de leitor, fica para trás?

Jamais.

Eis aí o X da questão: Ano Novo, Livro Velho, ou livro antigo, mas sempre atual. Esses são aqueles livros que você não irá se distanciar. Diferente do pão que você deixará de comer (pelo menos nos primeiros 10 dias do ano) para começar aquele regime prometido na véspera do Ano Novo. Não, definitivamente, do livro você não se separa. Ou do autor.

Eis que os ‘antigos’ se tornam cada vez mais atuais, por isso sempre tão lembrado em conversas e discussões literárias: Machado de Assis, José de Alencar, José Saramago, Cecília Meireles, Clarice Lispector, Carlos Drummond de Andrade, Manuel bandeira, Ferreira Gullar, Vinícius de Moraes, Olavo Bilac, João Cabral de Melo Neto, Augusto dos Anjos, Franz Kafka, etc.

Difícil deixar para trás os nossos ‘livros velhos’. Queremos sim, em 2014, juntamente com um ano novo inteirinho, vários livros e autores novos. Afinal, Ano Novo, Vida Nova. Mas queremos uma vida renovada a cada leitura e nos livros e autores já consagrados encontramos a cada releitura uma nova visão do seu escrever, pois são eternos.

Enfim, desejo a todos vocês um Ano Novo repleto de bons motivos para sonhar e sorrir. Que 2014 seja um ano de paz, união, harmonia, solidariedade, respeito e de muitos livros.