Resenha: Fantasias Urbanas – Eric Novello (org.)

Sabe quando você gosta tanto de um escritor que só de ver o nome dele no material já tem vontade de comprar? Então, é...

‎Resenha: Madame Bovary – Gustave Flaubert

Há tempos, ouvia falar da obra-prima de Flaubert, Madame Bovary, mas ainda não tinha tido a oportunidade de lê-la. Dia desses, em uma voltinha...

A Trégua: O triste com vocação à alegria

“Un gran amor puede ser una tregua en la vida.” A Trégua (1960) é, sem dúvidas, um dos melhores romances que já tive o prazer...

Admirável Mundo Novo – Aldous Huxley

Um dos grandes clássicos da literatura de ficção científica, Admirável Mundo Novo é um livro questionador, intrigante e filosófico O autor, Aldous Huxley, nos propõe...

Resenha: A Morte de Ivan Ilitch – Leon Tolstói

A pequena novela (de apenas 100 páginas na coleção da LP&M Pocket) é mais uma obra-prima deste genial escritor Russo. O livro trata do que...

Resenha: Felicidade Conjugal – Leon Tolstói

Felicidade Conjugal é tida como a primeira obra-prima de Tolstói. Publicada em 1859, quando ele tinha pouco mais de 30 anos, a novela foge...

Resenha: Lugar Nenhum – Neil Gaiman

Gaiman é, sem dúvida alguma, um dos maiores criadores de histórias da atualidade. Desde os quadrinhos (Sandman, entre outros), contos, filmes (Máscaras da Ilusão)...

Resenha: Cachorros de Palha – Jonh Gray

Céu e terra não têm atributos e não estabelecem diferenças: tratam as miríades de criaturas como cachorros de palha. Lao-Tsé Cachorros de Palha, de Jonh...

Resenha: Markheim – Robert Louis Stevenson

O conto de Stevenson é o drama de Markheim, homem que mata o dono de uma loja de antiguidades, com quem costumava negociar, para...