“Considero a história de Jesus Cristo uma história policial”, Marcelino Freire diz em entrevista

O escritor fala sobre o processo de criação do romance Nossos ossos, diferenças entre conto e romance, o gênero policial e a morte de Ariano Suassuna

 

Guy de Maupassant afirmou que o conto era mais difícil de ser escrito do que o romance. Com esta provocação, abro a entrevista com o escritor Marcelino Freire, questionando sua visão sobre estes dois gêneros narrativos.
 
Na última quarta-feira (23), também conversamos a respeito de referências na criação do seu romance,  Nossos ossos (Record, 2013), comentando sobre a importância do gênero policial; além da relação da internet com a literatura na atualidade, citando grandes iniciativas como o selo Formas Breves e a Revista Flaubert.

E ainda finalizamos falando sobre a perda de Ariano Suassuna, cuja morte ficamos sabendo dez minutos antes da entrevista.

Vilto Reis
Autor do livro "Um gato chamado Borges", professor de escrita criativa e apresentador do Podcast de Literatura 30:MIN.
Vilto Reis
Autor do livro "Um gato chamado Borges", professor de escrita criativa e apresentador do Podcast de Literatura 30:MIN.
- Advertisment -

Em Alta

- Advertisment -