CULTURA DE INTERNET: SCP: Segurar. Capturar. Proteger.

0
1249

scp_foundation_by_greatpaperwolf-d4rznsx

Clandestina e mundial, a Fundação SCP desde [INFORMAÇÃO EXPURGADA] opera fora da jurisdição, apoiada e confiada por todos os principais governos mundiais e [INFORMAÇÃO EXPURGADA] com a tarefa de conter ‘itens que prejudicam a normalidade’ através de [INFORMAÇÃO EXPURGADA] e [INFORMAÇÃO EXPURGADA].

Este é o clima do projeto SCP Foundation, a famigerada fundação que surgiu nos fóruns de internet a partir de relatos de terror sobrenatural macarrônico (os famosos Creepypasta). Talvez você não os conheça por esse nome, por ele ser de origem norte-americana, mas tenho certeza que já ouviu falar das lendas urbanas e que pelo menos um amigo-de-um-amigo-seu já contou histórias sobre a loira do banheiro, a brincadeira do copo e o homem do saco. 

Artefatos SCP representam uma ameaça significativa para a segurança global. Várias agências de todo o mundo operam para manter e assegurar a humanidade contra ameaças extraterrestres, extradimensionais, e extra universais. No passado, a humanidade esteve sobre o capricho desses artefatos bizarros e fenômenos semelhantes, mas chegamos agora a um ponto da história em que podemos começar a controlar e conter estes seres de seu curso natural.

No meio desta história surge então essa “Fundação” como a responsável por localizar e capturar essas lendas para proteger as pessoas e estudar as criaturas e objetos.

Materiais classificados além deste ponto.
Acesso não autorizado será monitorado, localizado e “lidado”
Este é o seu único aviso.

Um grupo mais ativo destes fóruns decidiu então reunir e catalogar as histórias, no formato de relatórios oficiais. Surgia então a Wikipédia da fundação, um projeto de escrita colaborativa que rapidamente cresceu com as adições da comunidade. Até agosto deste ano, a página já contava com mais de 1000 “SCP’s”, nome dado aos artefatos e criaturas catalogados.

Os SCP’s foram separados em categorias, as principais sendo “Seguro”, “Euclid” e “Keter”.

A designação “Keter” é atribuída a indivíduos que (a) demonstrem hostilidade ativa para a vida humana, a civilização, ou o espaço-tempo, e (b) são capazes de causar destruição significativa no caso de violação de contenção. Tais ameaças devem ser catalogadas, resguardadas de acordo com procedimentos especiais de contenção, e destruídos, se possível.

A “wiki” conta com relatos de experimentos, informações burocráticas, relatos de fugas de criaturas e principalmente, os artigos sobre elas.

Tal como o espécime SCP-173, o primeiro a surgir nos fóruns e mais famoso SCP.

SCP1

Ou então o SCP-093.

SCP2

É claro que não há como ter um projeto desse tamanho e tensão sem surgirem algumas piadas, como o SCP-____-J

SCP3

Vale a pena conferir, apesar de ser em inglês. O link para a fundação é este aqui. No fim, tenham um bom dia e [INFORMAÇÃO EXPURGADA].

Conteúdo parcialmente aprovado por 05-xx