A Escrita Informal na Internet

0
786

bookA Internet, como espaço livre de criação e compartilhamento de conteúdo, possui um acervo bastante diverso, que serve tanto para nos fazer procrastinar infinitamente quanto para nos oferecer opções variadas e acessíveis de entretenimento e informação. No que se refere à produção escrita, as possibilidades são imensas. Existem blogs sobre diversos assuntos, inclusive com textos autorais muito interessantes, que por vezes são a alavanca do escritor contemporâneo iniciante. A autopublicação já é uma realidade no Brasil e, apesar de ser um caminho mais trabalhoso, confere bastante liberdade ao novo autor.

Além dos blogs, existem também plataformas voltadas para a produção literária, como Recanto das Letras, Novos Escritores e Nyah Fafiction. Sem falar em grupos de redes sociais também dedicados à publicação de produções artísticas. Um dos exemplos é a comunidade Rede Globo, criada no antigo Orkut e agora ativa na rede russa VK, que, apesar de ter como objetivos iniciais a divulgação e troca de opiniões sobre as principais produções globais, ampliou seu conteúdo para a publicação de webnovelas e webséries, especialmente interessantes para quem gosta do gênero roteiro.

O problema principal dessas produções virtuais é saber filtrar os textos de qualidade daqueles mais imaturos. A facilidade de divulgar seus próprios textos na Internet vem acompanhada da arrogância ou falta de senso de quem acha que qualquer um pode escrever qualquer coisa e já chamar isso de boa literatura. No entanto, cabe ao leitor e ao escritor virtual a crítica e autocrítica necessária para tornar as horas passadas online mais prazerosas e produtivas.