Mariela e o Livro da Escuridão

0
1550

“Com uma narrativa densa e misteriosa, Marcelo Lemes conta a história de Mariela, uma mulher muito bonita e viciada em literatura, que vai ver sua vida virar de ponta cabeça ao ser capturada pelo Livro da Escuridão.”

marcelo_lemes

Você é amante de livros? Então, Mariela e o Livro da Escuridão com certeza vai prender sua atenção e curiosidade no primeiro contato. Com uma narrativa densa e misteriosa, Marcelo Lemes conta a história de Mariela, uma mulher muito bonita e viciada em literatura, que vai ver sua vida virar de ponta cabeça ao ser capturada pelo Livro da Escuridão. É a prova fatídica de que ler é vivenciar – na pele, com todos os riscos possíveis e (in)imagináveis – uma experiência.

Ainda no início da história, Mariela deixa a casa de seus pais para morar em uma pensão no Rio de Janeiro, sonhando viver suas próprias aventuras fora das páginas dos livros que tanto ama e lê. Tudo vai muito bem: ela consegue emprego numa agência de modelos, tem um namorado quase perfeito… Até que, um dia, ela visita uma cidadezinha estranha onde conhece um senhor peculiar e, mais importante, fica hipnotizada pelo curioso livro que ele tem na estante – tocá-lo ou lê-lo é terminantemente proibido. Um exemplar de tamanho médio, capa dura, coloração queimada, rústico. Voltando dessa viagem, porém, sua sorte parece encontrar o fim; Mariela pega o namorado com outra e perde o emprego.

É melhor ficar longe dele, são páginas venenosas. Muitos se suicidaram depois de lê-lo.” (p. 26)

MARIELA-E-O-LIVRO-DA-ESCURIDÃO
Mariela e o Livro da Escuridão (Giostri Editora, 2015)

Mas, o destino ainda reservava surpresas. Ela recebe em sua casa um livro muito estranho, revestido por pele humana, que para seu espanto não havia sequer uma única linha escrita. Durante a noite, Mariela se impressiona ao ver que das páginas em branco surgem letras e uma história incrivelmente cativante.  Era O Livro da Escuridão. E com o tempo, Mariela percebe que ela é a protagonista da história que ele conta.

“Ler é conhecer o inacreditável.” (p. 89.)

Neste seu segundo romance, Marcelo Lemes transporta o leitor, lenta e inexoravelmente, para um mundo cativante de palavras e símbolos, um universo que os fanáticos por literatura com certeza já entreviram em algum momento e, lendo Mariela, sentirão transbordar das páginas para os corações. Fica aquela reflexão, quase um sentimento, do quanto os livros fazem parte tão importante de nossas vidas, tanto quanto a amizade e o amor.