Tag: Literatura africana

Baratas, de Scholastique Mukasonga

0
Baseado em suas memórias, Baratas, de Scholastique Mukasonga, apresenta o terror de um país dividido entre dois grupos e como o genocídio de 1994...

“Sem gentileza”, de Futhi Ntshingila: a força como via de subsistência

0
Futhi Ntshingila, em sua obra Sem gentileza, apresenta uma narrativa de resistência, que tem como cenário os guetos da África do Sul em pleno...

Do amor materno e das dores: A mulher de pés descalços

0
A mulher de pés descalços, da ruandesa Scholastique Mukasonga, é um livro sobre amor materno, dores e reconciliação com o passado A mulher de pés...

O particular e o universal em “Mayombe”, de Pepetela

1
E tu, Sem Medo? As tuas ideias não são absolutas? A literatura africana vem trazendo gratas surpresas ao público brasileiro, desacostumado, até pouco tempo atrás,...

Corrupção e choque entre culturas: A paz dura pouco, de Chinua Achebe

0
Em A paz dura pouco, o nigeriano Chinua Achebe representa os movimentos que corrompem o homem, os conflitos entre a emancipação individual e a submissão às...

O que guardam As areias do imperador – Conhecendo ‘As Mulheres de Cinzas’

0
Mulheres de Cinzas, romance histórico do moçambicano Mia Couto, é o começo da trilogia "As areias do Imperador" “Alguns de nós, humanos, temos esse mesmo destino:...

Fatou Diome sobre a migração: “É como se deixá-los se afogar funcionasse como um...

1
A escritora senegalesa Fatou Diome expõe a visão de um africano sobre a recente e intensa onda de imigração para a Europa Em abril, durante um...

‘Os transparentes’, de Ondjaki

0
Lírico, o romance Os transparentes, de Ondjaki, retrata Angola com fidelidade em seus problemas e virtudes Se por vezes o amarelo forte dos dias em Luanda...

A África não é um país, é um continente

0
Se chegares a um brasileiro e perguntares: quais são os países para onde viajaste? Ele vai responder com todo orgulho, fui para Inglaterra, Portugal,...

Como definir a literatura africana? | LiteratusTV #15

0
Maicon Tenfen e Vilto Reis falam de dois dos escritores mais importantes entre os africanos contemporâneos, Mia Couto e José Eduardo Agualusa. Também apresentam...