Tag: Mario Filipe Cavalcanti

O Domínio Brutal da Indiferença em ‘O Estrangeiro’, de Albert Camus

Como Albert Camus desenvolve a casualidade e a indiferença de Mersault em O Estrangeiro. PARTE 01: O homem que não amava “Amarás ao Senhor teu Deus...

Os Caninos Amarelados e afiados de Mario Filipe Cavalcanti

Caninos Amarelados, de Mario Filipe Cavalcanti, é uma análise filosófica sobre o tudo e o nada em que o ser humano vive Um observador atento,...
Robert Walser

A nadificação do “eu” e o sarcasmo aniquilador na obra de Robert Walser

A literatura de Robert Walser é marcada pela apologia do nada, e ler sua obra onde não há respostas para nada é aniquilador   Um dos...

O chamado de Lovecraft

Desconhecido em vida, Lovecraft se tornou conhecido graças aos amigos que publicaram sua obra Notei, um dia desses, que tanto o primeiro, quanto o último...

O circo, de Mario Filipe Cavalcanti: realidade que subjuga a magia da arte

O circo, livro de contos de Mario Filipe Cavalcanti, mostra os bastidores dos espetáculos que fazem parte do imaginário coletivo O que é apresentado em...