Tag: Literatura Francesa

Ouse crescer e tornar-se criança com O Pequeno Príncipe

O pequeno príncipe normalmente é tratado como uma leitura leve para crianças. No entanto, uma leitura mais atenciosa pode revelar grandes surpresas Quem foi Antoine de...
a esperança e o absurdo

Albert Camus e a esperança em tempos difíceis

Afinal, o que os romances e obras filosóficas de Albert Camus podem nos ensinar sobre a esperança em tempos absurdos e hostis como os...

O Perfuraneve

Entre a ficção científica e o estudo sociológico, O Perfuraneve é um assustador retrato do passado, presente e futuro da humanidade Eis um resumo do...

A moral questionável de Os três mosqueteiros

Depois de termos visto tantas adaptações, deixamos passar os pequenos detalhes de Os três mosqueteiros Um dos grandes baratos da literatura é fazer o leitor entender...

O Leitor do trem das 6h27 mostra a delicada relação entre livros e a...

Leitor do trem das 6h27 tem uma linha muito tênue entre o real e abstrato, e leva o leitor pela mão “Eu sou minhas histórias”. A...

Filosofighters parte 2: Camus vs Sartre | LiteratusTV #45

Nesse programa o escritor Maicon Tenfen e o convidado Fabrício Bittencourt, estudante de filosofia, resolvem, no estilo Filosofighters, colocar Camus e Sartre cara a...

A literatura de peso de Milan Kundera

A Insustentável Leveza do Ser é uma joia da literatura, uma obra indispensável para aqueles que apreciam romances que propiciam reflexões existenciais Literatura, filosofia e...

Germinar é preciso (ou o que há entre Zola e os professores do Paraná?)

A primeira vez que ouvi falar sobre o pai do naturalismo literário, Émile Zola, foi há quase 10 anos, quando estava no início da...

Sujeitos e revolução sob o enfoque de Anatole France

Em tempos de manifestações, os ensinamentos de Anatole France em Os deuses têm sede se mostram atuais Multidões nas ruas para protestar contra governos; outras, ao mesmo...

Razões e meios para (tentar) se tornar estúpido

Em Como me tornei estúpido, o escritor Martin Page mostra criticamente a sociedade contemporânea e a crise de identidade do homem pós-moderno, tudo com um humor...