Autor: Nicole Ayres

É graduada em Letras port/francês pela Uerj. Apaixonada pelas palavras, desde que aprendeu a ler e a escrever, não parou mais. Adora a vida acadêmica. Adora a vida. De espírito quixotesco, ainda vai aproveitar a experiência de suas aventuras literárias para explorar o mundo. Mantém os pés no chão e a cabeça nas nuvens.

João do Rio e a pressa moderna

João do Rio e suas análises do Rio de Janeiro que tinha pressa para evoluir João do Rio (1881-1921) foi um importante escritor carioca da belle époque. Ele retrata, em…

As incertezas do mundo pós-aniversário

O romance O Mundo Pós-aniversário, de Lionel Shriver, transforma um drama banal em uma análise da eterna insatisfação feminina e humana Irina é uma mulher na faixa dos 40 anos, ilustradora…

Entenda por que livros podem virar papel higiênico

Frequentemente, livros são queimados, picotados, por questões de censura ou problemas do mercado editorial, o que gera feridas no coração de leitores Os tempos são duros para os amantes dos…

Madame de Merteuil versus Madame Bovary

O que aproxima ou distancia as madames de Gustave Flaubert e de Choderlos de Laclos? Proponho a comparação de duas personagens-chave de clássicos da literatura francesa que parecem nada ter…

Pais censuram livro paradidático por conteúdo erótico

Pais de escola mineira assinaram abaixo-assinado contestando a escolha do livro A marca de uma lágrima, de Pedro Bandeira, para ser trabalhado em turma do 6º ano, devido a passagens…

Nunca é o suficiente – e como isso pode ser bom

A ansiedade da nossa época pode ser convertida em energia positiva para aproveitarmos ao máximo a vida Eu devia ler mais. Escrever mais. Ver mais filmes. Mas você já lê…

Estátua de Clarice Lispector é construída no Leme

A estátua homenageando a escritora Clarice Lispector é a primeira a homenagear uma artista mulher O Rio de Janeiro foi (e ainda é) palco de grande atividade cultural. No que…

‘O Aborto’ – romance anti-patriarcal esquecido pela crítica

Obra naturalista de grande sucesso na época, O Aborto aborda um tema ousado ainda para os nossos dias, e foi ignorado pela crítica tradicional                 Morde-me a mim e ao…

Sou de Humanas, mas sei contar

Brincadeiras à parte, essa rivalidade entre Humanas e Exatas não é produtiva, pois traz consigo os estereótipos e preconceitos socialmente perpetuados Uma pessoa paga suas compras. Ela ouve o valor,…

O aspecto subversivo da pornografia

A história do gênero pornográfico está relacionada à crítica política e religiosa, por isso a censura vai além da condenação moral O gênero pornográfico sofreu, e ainda sofre, muito preconceito…

@homoliteratus on Instagram